Portal Sistema Firjan
menu

Notícias

Educação / Firjan

Firjan SENAI SESI: 1.360 vagas gratuitas para Ensino Médio com curso técnico em todo o estado

As vagas serão prioritariamente destinadas aos dependentes de industriários ou de ex-industriários

As vagas serão prioritariamente destinadas aos dependentes de industriários ou de ex-industriáriosFoto: Paula Johas

13/09/19 14:55  -  Atualizado em  19/09/19 11:26

A Escola Firjan SESI terá novidades em 2020! A partir do ano que vem oferecerá 1.360 vagas gratuitas para o programa de Ensino Médio da Firjan SESI com curso técnico da Firjan SENAI, nos turnos da manhã e tarde. As vagas serão prioritariamente destinadas aos dependentes de industriários ou de ex-industriários, com comprovação de vínculo de até três anos, além dos alunos do 9º ano do Ensino Fundamental da instituição e, complementarmente, à comunidade em geral.

Para participar do processo seletivo de gratuidade, conforme exigência do Regulamento do SESI e Regimento do SENAI, o candidato deverá apresentar autodeclaração de baixa renda, nesse caso, definida como renda familiar mensal per capita bruta de no máximo 1,5 salário mínimo federal, e ter concluído ou estar cursando o 9º ano do Ensino Fundamental. O edital completo será publicado em 16/09 e as inscrições vão até 27/09, às 18h. As aulas terão início em fevereiro de 2020.

Só na Região Metropolitana serão ofertadas 720 vagas nas seguintes unidades: Maracanã (240), Jacarepaguá (160), Duque de Caxias (160), Nova Iguaçu (80) e São Gonçalo (80). Para o interior, serão destinadas 640 vagas, distribuídas entre as unidades de Barra Mansa (80), Macaé (160), Nova Friburgo (80), Petrópolis (80), Resende (160) e Volta Redonda (80).

Conheça o Ensino Médio com Curso Técnico: https://escolafirjansesi.com.br/escolasesi/ensino-medio-com-curso-tecnico/conheca

Processo seletivo: https://escolafirjansesi.com.br/escolasesi/ensino-medio-com-curso-tecnico/processo-seletivo

Por que a proposta?

Um dos principais objetivos da instituição atualmente, na área de Educação, é o fortalecimento da Educação Básica articulada com a Educação Profissional. Por isso, o Ensino Médio da Escola Firjan SESI passa a ser oferecido somente de maneira concomitante com o curso técnico da Firjan SENAI. Torna-se importante, neste momento, focar o atendimento aos jovens dependentes de industriários que tenham interesse nas áreas tecnológicas.

A proposta irá propiciar a formação geral e técnica, gerando oportunidades de inserção no mundo do trabalho e continuidade de estudos.  Pesquisas realizadas recentemente indicam o aumento do interesse dos jovens por uma trajetória de educação profissional paralela ao Ensino Médio.

Assim, a Firjan SENAI SESI se coloca o desafio de implementar uma proposta inovadora, que busca investir na formação de jovens com perspectiva de futuro, com uma educação de qualidade, voltada para o desenvolvimento humano e tecnológico.
 

Inscrições

As inscrições podem ser feitas pelo portal http://www.escolafirjansesi.com.br. É preciso, no ato, após a leitura do edital, escolher a unidade e o turno de preferência, bem como preencher todos os campos solicitados no formulário. Depois, o candidato deve comparecer à unidade para a qual se inscreveu, entre 30/09 e 04/10, com o responsável legal, para validação da inscrição. É necessário levar a documentação completa indicada no edital. O não comparecimento do candidato ou a não apresentação da documentação implicará o indeferimento da inscrição.

Mais informações podem ser obtidas através do telefone 0800 0231 231.
 

Ensino Médio + Curso Técnico


No primeiro ano do Ensino Médio, o aluno cursará em um turno as disciplinas da matriz curricular da Escola Firjan SESI. São elas: língua portuguesa, redação, literatura, língua estrangeira (inglês), educação física, arte, matemática, história, geografia, filosofia, sociologia, biologia, física, e química. Além disso, no primeiro semestre, haverá dois cursos de iniciação profissional da Firjan SENAI, com o objetivo de experimentação para a escolha do curso técnico a ser iniciado no segundo semestre.

No segundo ano, em um turno o aluno cursará o Ensino Médio e no outro dará continuidade até encerrar o curso técnico no fim do ano letivo. Já no terceiro ano, em um turno o aluno dará prosseguimento aos estudos do Ensino Médio e no outro poderá optar entre o preparatório para o Enem – com carga horária distribuída em três dias da semana, além de um dia de orientação para projetos na área de educação profissional – ou a participação em estágio referente ao seu curso técnico em um dos turnos da semana, fazendo o preparatório do Enem aos sábados.

 

ebep_2743.JPG
Um dos principais objetivos da Firjan, na área de Educação, é o fortalecimento da Educação Básica articulada com a Educação Profissional. | Foto: Paula Johas.



Saiba um pouco mais sobre as opções de cursos técnicos disponíveis:

Segurança do Trabalho: Esse é um profissional imprescindível, pois garante o bom andamento e a integridade física e psíquica do trabalhador e de todos os envolvidos na atividade laboral, por meio da recomendação de medidas de controle e proteção contra os acidentes de trabalho. É um dos cursos mais transversais, pois extrapola o âmbito industrial.

Logística: O profissional de logística é responsável pela administração dos materiais e recursos utilizados em uma empresa, além de planejar e controlar a movimentação, o transporte e a distribuição externa e interna. Além da indústria, esse técnico também é demandado em grandes empresas, como as do setor de construção civil, e naquelas especializadas na distribuição de bens e equipamentos.

Automação: Com formação transversal e oportunidades em diversos segmentos, pode atuar com atividades relativas a controle de processos contínuos.  Quem optar por essa carreira estará apto a elaborar soluções para o acionamento automático de dispositivos, bem como integrar sistemas e tecnologias de controle e automação de processos industriais.

Petroquímica: Esse curso ensina os processos de produção petroquímica e de petróleo. Isso inclui o aprendizado de análises químicas e físico-químicas e de controle de qualidade de matérias-primas, insumos e produtos.

Manutenção Automotiva: O profissional encontrará oportunidade junto a revendas e concessionárias de veículos, oficinas mecânicas e de reparo, lojas de autopeças, postos de gasolina e outros. Essa área requer conhecimentos específicos de mecânica e eletroeletrônica.

Jogos Digitais: Cada vez mais cresce a tendência de gamificar os setores não apenas de entretenimento, mas também educacional, empresarial e de saúde. As redes sociais também vêm apostando nessa estratégia, o que comprova o potencial da carreira. Na prática, esse curso prepara o estudante para desenvolver um game completo, com sistemas para jogos digitais a elementos de multimídia, como texto, vídeo, áudio, animações e gráficos.

Informática: O técnico em Informática possui um leque amplo de atuação, podendo trabalhar tanto com hardwares (parte física) quanto com softwares (programas). Departamentos de informática de empresas e companhias especializadas em soluções digitais são as principais empregadoras da área.

Comunicação Visual: O curso é destinado aos que desejam entrar ou se aprimorar para o mercado de trabalho nas principais áreas e ferramentas do segmento de design. Esse profissional possui ampla oportunidade de emprego, por ser o responsável por elaborar os materiais de apoio, como papelaria, embalagens e mídias multiplataformas, da área de comunicação das empresas, agências de publicidade, editoras, gráficas e até produtoras de vídeo e cinema.

Multimídia: Com esse curso, o aluno poderá trabalhar no desenvolvimento e atualização de sites, portais e animações 2D e 3D, além de atuar na integração de soluções de mídias.

Mecatrônica: O técnico em Mecatrônica vai desenvolver competências para implementar e manter sistemas, máquinas e equipamentos automatizados. O que o diferencia é que essa modalidade é mais focada em programação robótica em vez de manufatura.

Eletrotécnica: O profissional é capacitado para otimização de processos. É responsável por realizar projetos e executar a instalação de sistemas elétricos prediais e industriais, de potência e de acionamentos eletroeletrônicos.

Desenvolvimento de Sistemas: Tem por objetivo habilitar profissionais para analisar requisitos funcionais e não funcionais de produtos, desenvolver e testar sistemas de software, de acordo com as especificações do projeto, considerando as boas práticas do mercado de tecnologia da informação e as necessidades do usuário.
 

 
Para Empresas
Competitividade Empresarial Educação Qualidade de Vida